banner-01-sobre.jpg
foto-banner-01.png

Existe muita gente que não é representada na comunicação.

 

Basta uma simples pesquisa nos principais bancos de imagens, utilizados por diversas agências de marketing do país, para percebermos que não vemos brasileiros, brasileiros de verdade, naquelas fotos. 

 

Nosso país é uma grande potência cultural não é à toa: nós somos diversos. Somos muito mais do que os estereótipos limitantes socialmente construídos segundo a visão de um padrão de beleza único. 

 

Essa não é a comunicação que queremos.  

we-are-not-brazilians.png
nos-somos-brasileiros.png

Somos únicos nas nossas diferenças. 

Somos múltiplos. Somos vários corpos, tons de pele, gêneros e sexualidades.

Nós somos nós. 

 

O "Brasil com S" celebra o que temos de melhor no Brasil: o brasileiro.
Um banco 
de imagens de pessoas reais para pessoas iguais, cada uma do seu jeito. 

Alice Calzolari

30 anos, saiu de sua cidadezinha natal, Itaperuna, aos 17 anos para fazer
a UFRJ. Mas no meio do caminho: largou a faculdade de exatas para trabalhar com moda. Foi na cara e na coragem e desde então nunca mais saiu. Trabalhou 7 anos na Garimppo fazendo de um tudo, de vendedora a estilista, e agora está aí na missão de ser produtora do Lab. A Alice é o maluco-beleza dos locais,
sem noção e sem filtro, como ela se define, do jeitinho que a gente gosta.

Alice.jpg
Baby.jpg

Ana Lucariny

Mais conhecida como Baby (pois é um baby), tem 25 anos, é designer
e ilustradora formada pela UFRJ. É apaixonada por arte e todas as suas possibilidades. Ela é a nossa jovem mística - só que sem a positividade tóxica. Baby coleciona momentos: tem um caderninho de memórias com frases que marcaram, folhas, flores, fotos, coisas que acha
por aí de momentos que quer eternizar. Lindo, né?

Bel Corção

Formada em Design de Produto pela PUC-Rio, Bel acreditava que a fotografia, por mais que fosse uma paixão de berço com o incentivo do  seu pai, seria só um hobbie na sua vida. Mas a vida tinha outros planos e ela deixou a marcenaria, sua maior paixão na faculdade, para se entregar por completo à fotografia.

Bel.jpg
fotos_equipe_Cami.png

Camila Flor

28 anos, lésbica, mãe de pet, moradora apaixonada da Penha, Zona Norte do Rio. Desde criancinha se via como escritora, mas virou redatora, diretora criativa, pesquisadora de comunicação, linguagem e gênero. É daquelas pessoas que consegue ter assunto até no ponto de ônibus com uma senhora de 57 anos e que vai, sim, te mandar um áudio de 8 minutos. 

Fernanda Barqueta

26 anos, formada em design pela PUC-RIO. No Lab, seu trabalho é mais voltado a criação de peças gráficas, mas atualmente está se aventurando no mundo da produção. Quando ela era criança, seu sonho era ser taxista. Motivo? Bom, ela só queria andar de carro e bater papo com a galera o dia todo.

Fe.jpg
FeSuzz.jpg

Fernanda Suzz

33 anos, formada em História, a nossa maquiadora já foi professora por três anos antes de se dedicar a sua arte. Fê também é apaixonada por carnaval, e o momento que ela mais se entrega é quando toca seus instrumentos preferidos nos bloquinhos. Sim, a gata também é ritmista! Como ela diz, ela é toda essa colcha de retalhos.

Guilherme Malfitano

35 anos, carioca e o homem mais misterioso que você conhecerá. Seu amor pelas artes começou logo quando criança, desde sempre desenhou muito, mas foi através do Grafitti que enxergou novas possibilidades de arte - conhecendo o design gráfico. Gui é a pessoa que tem as melhores referências que você nunca viu. E já quebrou vários ossos. Sério.

Gui.jpg
fotos_equipe_Hugo.png

Hugo Gunzburger

A mente à frente do Lab. Trabalha há mais de 15 anos no mercado publicitário e, cansado do mercado tradicional, há 4 anos criou o Lab, com a crença de que a comunicação é capaz de mudar o mundo. Como bom canceriano, é aficionado pela Disney e seus processos de criação.

Jéssica Volpi

Cantora, compositora, atriz e estudante de letras. Nascida em Mesquita, na baixada fluminense, cria arte com compulsividade. A gata não consegue parar de criar! E ela gosta de fazer tudo ao mesmo tempo: Toca violão nas costas enquanto lê um livro. Isso é normal, produção??!

É que como ela mesmo diz, seu caminho é diferente de quem mora no centro da cidade: Anda bastante de trem, e essa caminhada todos os dias a faz querer ir mais além, além do trilho do trem.

Jessica.jpg
Landara.png

Landara Marcele

23 anos, estudante de Serviço Social na PUC-RIO, técnica formada em Química pela UFRJ e dona de uma gargalhada sensacional. Militante de causas sociais, principalmente de suas causas identitárias como mulher negra, favelada, gorda e candomblecista. Amante de bicho e de planta, agora na pandemia já até perdeu as contas de quantas plantas tem na sua casa. E tudo bem!

Maria Angelina

Mulher trans em transição, diretora criativa, stylist, produtora de moda, uma das pessoas mais criativas e engraçadas que você encontrará. Vive no seu próprio mundo, mas sem enrolação! Gosta de coisas objetivas e diretas, sem tempo irmão. E ela é muito engraçada, eu já disse engraçada?

Angel.jpg
Marlon.jpg

Marlon Marinho

25 anos, carioca que vive no eixo Rio-SP.  Trabalha como modelo, Web Designer, influenciador, produtor, cartomante e ainda é o psicólogo dos amigos. Ama enrolar crush para sair tanto quanto ama comida brasileira daquelas misturadas no prato. Quem não?

Pedro Burger

33 anos, designer gráfico, diretor criativo e pau-pra-toda-obra. Gosta de botar a mão na massa, por isso é chamado de Rodrigo Hilbert do Lab.
Há alguns anos atrás resolveu mudar de vida e foi morar numa fazenda
no interior de Israel ordenando e pastoreando Cabra. Até hoje ainda sonha que tá passeando com as Cabras no deserto. (também não entendemos)

fotos_equipe_Pedro.png